Boletim 263 – Uma Vida Abençoada III

Boletim 263 - Uma Vida Abençoada III

Série Uma Vida Abençoada: Abençoado com a benção de Abraão 

MÚSICA:  Pra Onde eu irei – Ministério Morada

S– SENTINDO (Uns aos outros)

Quando foi que você mais precisou de fé na sua vida, você pode compartilhar com o grupo?

Peça para de dois em dois compartilhar, assim todos falam.

A– APRENDENDO (De um para todos)

Texto: Gênesis 15:6

1º Todo aquele que crê em Jesus, que experimenta salvação e é justificado diante de Deus desfrutam das bênçãos de Deus.

2º Abraão entendeu que suas obras não significavam nada diante de Deus e por isso não podia se gloriar na sua carne. Ele apenas creu e, por isso, foi declarado justo diante de Deus

3º Quais são as bênçãos de Abraão e que nós podemos desfrutar também?

 R– REFLETINDO (De todos para Deus)

  1. Vivermos na Graça – O nome Ló significa véu o Senhor lhe disse: “Olha para o norte, sul, leste e oeste. Tudo isso que vês te darei a ti e à tua descendência” (Gn 13.14-15). O véu já não estava lá, Abraão agora podia ver. A promessa é esta: “Tudo o que vês eu te darei”. O Senhor diz para você erguer os olhos e ver. Mas, antes, é preciso tirar o véu da lei do merecimento e colocar a lente da graça de Deus
  2. Temos vitória na batalha espiritual – (Gn 14). Abraão saiu para libertar Ló e com apenas 318 homens venceu o exército de quatro reis. Como filhos de Abraão, podemos esperar desfrutar dessa mesma bênção
  3. Prosperamos pelo dízimo – Quando Abraão voltou da batalha contra os quatro reis, Melquisedeque lhe saiu ao encontro e lhe trouxe pão e vinho. Ao mesmo tempo veio o rei de Sodoma e lhe disse: “Dá-me as pessoas, e os bens ficarão contigo” (Gn 14.17-24) Quando Abraão comeu o pão e o vinho, ele foi fortalecido para vencer a proposta do rei de Sodoma.
  4. Cremos como Abraão – Em Gênesis 15, o Senhor diz a Abraão: “Não temas, o seu galardão será muito grande”. Mas Abraão respondeu: “Senhor Deus, que me haverás de dar, se continuo sem filhos?” Era assim que ele se via, sem filhos. O Senhor precisava mudar a sua imagem mental, então ele manda que Abraão olhe para as estrelas até que elas se transformassem em faces de incontáveis filhos que ele teria. Abraão creu na visão que Deus lhe dera e isso lhe foi imputado para justiça (Gn 15.6). Como filhos de Abraão, precisamos ter a mesma experiência. Precisamos ver a promessa de Deus pela fé.
  5. Perseveramos contra as evidências – Quando Deus chamou a Abraão para sair de Ur dos Caldeus, Ele lhe disse: “Eu farei de você uma grande nação”. Mas não podemos ser uma nação sem uma posteridade, e Abraão não tinha nenhum filho. Nesse tempo, Abraão tinha 75 anos, e sua esposa, 65. Ele teve de esperar 24 anos.

A–  APLICANDO (De todos para os de fora)

A demora de 24 anos não foi por causa do pecado de Abraão, e nem a sua é por causa do seu pecado. Deus esperou até que Abraão não pudesse mais gerar para que, quando Isaque viesse, toda glória fosse do Senhor. Abraão conheceu a Deus de uma forma que ninguém mais conhecia até então.

Você precisa perceber que é alguém especial, e a demora de Deus é porque Ele ama você. O tempo de espera no fim vai se revelar com muito mais peso de glória sobre a sua vida.

– De que forma você tem agido, como Ló ou como Abraão?

– Como tem sido o seu tempo de espera diante das circunstâncias do dia a dia?

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *